12.9.12

sedução...


Na língua alemã, die Verführung (a sedução) conservou o seu sentido etimológico, que é um sentido activo. Trata-se sobretudo de enganar, induzir em erro, desviar, corromper, abusar. É sempre esse sentido que está implicado nos textos que nos ocupamos: a acção sedutora. Der Führer é o chefe, o guia, como se sabe; verführen (o verbo) implica não somente seduzir mas subornar e perverter; der Verführer é aquele que desvia, Don Juan, "o abusador" de Sevilha e de outros lugares. Die Verführung traduz-se no melhor sentido por desvio ou desencaminhamento. Em alemão a sedução de uma criança é o estupro.

Em francês, essa palavra é utilizada no seu sentido passivo; é o meio de encantar; é a atracção espontânea ou artificial, armadilha do desejo do outro. Em francês, a sedução de uma criança é o seu encanto.

In Pierre Sabourin. Ferenczi: Paladino e Grão-Vizir Secreto.
São Paulo: Martins Fontes, 1988. 


Foto de Rodney Smith 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Follow by email