16.8.11

o Woodstock foi há 42 anos

rare woodstock 69.jpg
Woodstock - 1969 - 2.jpg
Não há mais nada para dizer, além do que já foi dito e repetido e repetido ao longo destes anos todos ... talvez que ... o mundo mudou e a música é outra... e música, paz e amor era o lema, com algumas drogas pelo meio - marijuana e haxixe e de vez em quando 1 ácido prájudaràtrip... parece-me que por algum tempo foi possivel esquecer o medo e viver em liberdade... parece-me que por algum tempo se esqueceram diferenças... e se acentuaram afinidades, se esqueceram raças, crédos...ou se aproximaram d'outros... eu era miudo na altura, tinha 7 ou 8 anos, mas lembro-me do acontecimento, até porque vivia em Boston e não havia ninguém que não comentasse ou censurasse essa e todas as outras infâmias, ainda se falava do assassinio dos Kennedys, e do Martin Luther King e tantos outros, o Vietnam, os pretos que já se sentavam misturados nos autocarros e nos cafés e nos supermercados e nas escolas ao lado das filhas, e as drogas... e todos essas cenas, mêdos e o catano levaram os meus pais, católicos, emigrantes a decidir a trazerem-me para Portugal...
— Ou é agora ou nunca, o miudo está a crescer.
Os anos passaram-se e a música já era outra quando fui para Vilar de Mouros, possuido ou guiado pela memória desse espirito revolucionário, esse verão foi para nós de certo modo, o nosso woodstock com paz, música e amor e muitas drogas...
O que mais me espanta, passados estes 40 anos, é constatar que foi essa geração e a minha que verdadeiramente foderam esta merda toda... se calhar 'esses' não estiveram em Woodstock nem em Vilar de Mouros e isto é apenas uma vingançazinha... mas também acredito que alguns por lá tenham passado...
Enfim ... fica a memória de um espirito de irmandade que talvez ainda reste... hummmm!!!!!

Woodstock - Banner2.jpg

Sem comentários:

Enviar um comentário

Follow by email