5.6.15

encontros e despedidas



Disse-me Vigo: «Martín, nunca duvidei que você preferia a floresta. Mas também sei que a considera como uma passagem… não como objectivo, como Átila, nem como ficção, como o Domo. Mas o que são as ficções? Em todas as nossas grandes mutações, concretiza-se um sonho. Como historiador, você sabe isto. Não fracassamos pelos nossos sonhos, mas sim por não termos sonhado com intensidade suficiente.»

Ernst Jünger - Eumeswil - ed. Ulisseia



Sem comentários:

Enviar um comentário

Follow by email